SECRETARIADO DIOCESANO DA PASTORAL FAMILIAR

DIOCESE DO PORTO

InícioOrganizaçãoPlano de AcçãoActividadesDia DiocesanoJornada DiocesanaMovimentosHistórico

SECRETARIADO DIOCESANO DA PASTORAL FAMILIAR

DIOCESE DO PORTO

SECRETARIADO DIOCESANO DA PASTORAL FAMILIAR

DIOCESE DO PORTO

InícioOrganizaçãoPlano de AcçãoActividadesDia DiocesanoJornada DiocesanaMovimentosHistórico
 

 

ECOS DO DIA DIOCESANO DA FAMÍLIA

Anta - Espinho

19 de Junho de 2011

 

A diocese do Porto celebrou uma vez mais o Dia Diocesano da Família, como habitualmente na Solenidade da Santíssima Trindade. De facto, na plena comunhão que é o amor trinitário encontra as suas raízes a comunhão matrimonial, que participa do amor divino e O testemunha pela sua forma de viver.

Neste ano, coube à vigararia de Espinho-Ovar acolher a celebração deste dia, que teve lugar na excelente nave do polidesportivo de Anta. Deve realçar-se a ótima colaboração da Câmara Municipal de Espinho, quer na cedência quer no arranjo geral do espaço, numa disponibilidade que muito nos apraz registar e agradecer. As paróquias da vigararia e em especial as da cidade assumiram com grande dedicação a preparação e animação da liturgia.

Neste ano, foram quase mil os casais que quiseram juntar-se como igreja diocesana para celebrar 10, 25, 50 e 60 anos de matrimónio. Deve salientar-se o crescente empenho das equipas paroquiais na procura dos casais, convite, realização de encontros específicos de preparação e acompanhamento no dia da celebração. O Senhor D. Manuel Clemente presidiu à Eucaristia, acompanhado dos Senhores Bispos Auxiliares D. Pio Alves e D. João Lavrador, de algumas dezenas de sacerdotes e de muitos familiares e amigos dos jubilados.

Na homilia, o Senhor Bispo convidou a, sem dispersarmos a atenção, centrarmo-nos no encontro de Deus através de Jesus, Aquele que nos mostra o Pai e por Quem Deus vem ao nosso encontro. Quando afirmamos “Ele está no meio de nós”, mais não fazemos do que exprimir aquilo em que acreditamos. Lembrou ainda que para o cristão a divisa deve ser “Amo, logo existo”, pois que saindo de nós é que nos encontramos e nos ganhamos.

D. Manuel reforçou esta ideia lembrando que cada casal que vive plenamente o seu Matrimónio é testemunha do amor de Deus – uno, indissolúvel e fecundo – no mundo e por isso mesmo a resposta às interpelações que o mundo faz à Igreja, na medida em que é a prova viva de que “Ele está no meio de nós”. Mesmo que o testemunho do casal plenamente cristão não faça manchete ou abra telejornais, ele é plenamente eficaz em fazer Deus presente no meio dos homens e na reconstrução do mundo à maneira de Deus, como o comprovou a família de Nazaré e como vemos em tantos exemplos dos nossos tempos.

Terminou convidando a fazermos Eucaristia, ou seja, ação de graças a Deus pelo acontecimento que todos estavam a viver e pela vida matrimonial que testemunha de forma privilegiada que “o amor é possível!”.

Antes de terminar a celebração, o Senhor Presidente da Câmara Municipal de Espinho saudou a assembleia, agradeceu a presença de todos e testemunhou a sua alegria por este encontro que tão bem exprime os valores em que acredita e que o norteiam.

No final, todos os casais jubilados receberam, como habitualmente, o diploma que contém uma saudação e bênção personalizada do Senhor Bispo – expressão de congratulação, voto de felicidades e convite à perseverança no amor e no testemunho.

Em 2012, a celebração do Dia Diocesano da Família terá lugar na vigararia de Gondomar.


 

Secretariado Diocesano da Pastoral Familia

 

   

   

 

 

Secretariado Diocesano da Pastoral Familiar - Diocese do Porto

Rua Arcediago Van Zeller, 50     4050 - 621 PORTO

pastoralfamiliar@diocese-porto.pt  

 

 

 

Secretariado Diocesano da Pastoral Familiar - Diocese do Porto

Rua Arcediago Van Zeller, 50     4050 - 621 PORTO

pastoralfamiliar@diocese-porto.pt